top of page
  • Nova Amargosa FM

GCM de Brejões, Policia Militar e Civil de Milagres prende mãe por jogar bebê no matagal


Por volta das 23h da última segunda-feira (12/12), o 1° pelotão da polícia militar de Milagres recebeu uma denúncia anônima via telefone funcional de que a autora do abandono de incapaz ocorrido pela tarde estaria fugindo com um mototáxi, com destino ao km cem.

Em posso das informações, a guarnição conseguiu abordar o mototaxista no Posto de Combustíveis, conhecido como Andorinhas, na BR 116, onde o mesmo relentou que não sabia que a passageira estava em fuga, e que teria deixado a mulher na praça do Distrito Serra do Cem no Município de Nova Itarana.

Com base das informações a polícia militar de Milagres, acionou a Guarda municipal de Brejões, onde conseguiram localizar a residência, a autoria saiu da residência onde recebeu voz de prisão sendo apresentada na delegacia de Milagres para adoção das medidas cabíveis.

Segundo o delegado da Delegacia territorial de Milagres, Doutor Thiago Costa, a mulher, com 26 anos, deu várias versões sobre o motivo do abandono.

“Ela disse primeiro que fez isso porque não tinha condições financeiras e estruturais de cuidar do filho. Mas depois disse estar com muito medo do pai, que não sabia que ela estava grávida e que não ia aceitar”, informou.

Conforme o delegado, a mulher é integrante de uma família de extrema pobreza. A mãe do bebê contou que descobriu que estava grávida minutos antes do nascimento do filho.

“Ela está negando que sabia que estava grávida. Essa parte eu não acredito, mas ela disse que só foi saber no dia, que sentiu fortes dores e percebeu o sangramento em casa”.

A mulher contou à polícia que se isolou em determinado local, se abaixou e o filho nasceu. “Aí ela disse que do jeito que ele estava, com placenta e cordão umbilical, enrolou em um saco plástico, desceu até uma quadra e colocou em um mato que ficava ao lado”, relatou o delegado.

Na manhã desta terça (13/12), o bebê continua internado no Hospital Municipal de Milagres. Não há previsão de alta. Um relatório médico apontou que o garotinho estava desidratado, com queimaduras de primeiro grau no rosto e um hematoma na cabeça.

361 visualizações0 comentário
bottom of page