• Nova Amargosa FM

Dal explica porque entra na disputa como pré-candidato a deputado federal


Em entrevista ao Voz da Bahia nesta última sexta-feira (1), o deputado estadual e agora pré-candidato ao cargo de deputado federal, Adalberto Rosa Barreto, o popular Dal (UB), que exibiu seus apoios políticos principalmente em Santo Antônio de Jesus e seu desejo em ir para a Câmara dos Deputados em Brasília.

Inicialmente, Dal falou em entrevista ao programa Meio-Dia e Meia sobre o ex-vereador que tem apoiado sua pré-candidatura a federal para as eleições em Santo Antônio de Jesus, “com muita vontade de levar a representatividade da Bahia para a Câmara Federal, conseguimos grandes apoiadores na cidade, entre eles, o ex-vereador Pedro Lopes, o Pedro de Têca que me ajudou muito e outros amigos que não vou citar nomes, para não esquecer. Temos grandes apoiadores, empresários, amigos que estão nos ajudando na cidade. Tenho certeza que com o povo de Santo Antônio de Jesus vamos colaborar para chegar para a Câmara Federal e trazer a oportunidade da região ter um deputado federal”, revelou.


Dal foi questionado sobre sua motivação para se candidatar ao cargo de deputado federal, e não tentar a reeleição para estadual, “quando resolvi entrar na vida pública era trazer investimentos para a região das cidades, ais quais fui votado, infelizmente, o mandato de deputado estadual não dá essa oportunidade de grandes investimentos. Percebemos que os deputados federais têm uma condição muito mais favorável ao nível de emendas orçamentárias, como deputado estadual eu não recebo essa mesma disponibilidade. Por isso eu me ousei a buscar uma candidatura para a esfera federal”, declarou.


Sobre o apoio do ex-prefeito Humberto Leite (DEM) a sua candidatura, Dal afirmou que o ex-prefeito tem uma popularidade muito grande em Santo Antônio de Jesus, e que é interessante ter o mesmo apoiando seu projeto, “assim como é importante o apoio de amigos e colaboradores do município e também é o do ex-prefeito Humberto, que é um político muito popular na cidade e ajuda muitas pessoas”, pontuou.

Na esfera federal, Dal expôs que ainda não se decidiu quem vai apoiar para o cargo de presidente da República, e que continuará seguindo as orientações do seu líder ACM Neto (UB), “estou seguindo as orientações do meu líder político na Bahia, Neto, ele está focado na eleição do Estado. Estou confiando na minha campanha, na campanha do meu próximo governador, ACM Neto. Eu ainda não tenho definido um posicionamento sobre as eleições federais”, disse.


Dal aproveitou para criticar o trabalho realizado pelo atual governador, Rui Costa (PT), apontando que as obras que estão sendo realizadas pelo mesmo são, na verdade, obras eleitoreiras para garantir votos, “o atual governador pecou muito no segundo mandato dele, travando todo o recurso do estado para fazer obras eleitoreiras. Ele esqueceu de fazer os investimentos nos 3 primeiros anos de mandato e está deixando agora para última hora. Isso é uma coisa da velha política, política de 40 anos atrás. As pessoas não estão em busca de um governo assim, mas sim de governador que faça o que ACM Neto fez por Salvador durante os 8 anos em que foi prefeito”, argumenta.

Voz da Bahia

187 visualizações0 comentário